GIULIA YOSHIMURA
 

Mura, artista paulista de 23 anos, encontra inspiração na flora e no estudo botânico, traduzindo seu trabalho por meio do realismo e composições orgânicas singulares, se destacando no cenário nacional com um trabalho único que inclui murais, aquarelas e body art.

 

A “cegueira vegetal” é um termo utilizado para descrever “a inabilidade de ver ou perceber as plantas no seu ambiente", fenômeno cada vez maior com a urbanização e avanço da tecnologia. Deixamos de nos conectar com a natureza e de apreciá-la quando temos oportunidade. Em cada obra a artista traz seu apelo: É preciso abrir os olhos para o que nutre a nossa vida e retomar a consciência da importância da natureza, e contemplar sua beleza.

 

O trabalho da artista busca uma fuga do comum, através do estudo de espécies diferentes e não usuais no cotidiano. Mura apresenta ao público a diversidade do mundo natural, utilizando a arte botânica como ferramenta de registro na construção da memória da identidade de uma sociedade. Além disso,a artista também destaca como esse registro pode ter um papel fundamental em questões urgentes da contemporaneidade.

 

"Acredito que fazer um trabalho que contraste o peso urbano dos muros com a flora cheia de vida e cor traga para as pessoas e para a cidade leveza, que é algo tão importante no mundo em que vivemos."

 

Follow me on Instagram: @mura.arte

©2020 by MURA, ALL RIGHTS RESERVED. 

TERMS & PRIVACY